[ INÍCIO ]   [ Sobre o Portal ]  [ FAQs ]  [ Registar site ou blog ]  [ Enviar informações ]  [ Loja ]   [ Contactos ]

 
"Temos obrigação de salvar tudo aquilo que ainda é susceptível de ser salvo, para que os nossos netos, embora vivendo num Portugal diferente do nosso, se conservem tão Portugueses como nós e capazes de manter as suas raízes culturais mergulhadas na herança social que o passado nos legou."  (Jorge Dias)
 
 
 
Arquitectura e construções
Artesanato
Cancioneiros Populares
Danças Populares
Festas e Romarias
Grupos de Folclore
Gastronomia e Vinhos
Instrumentos musicais
Jogos Populares
Lendas
Literatura Popular
Medicina Popular
Museus Etnográficos
Música Popular
Provérbios
Religiosidade Popular
Romanceiros
Sabedoria Popular
Superstições e crendices
Trajos
Usos e Costumes
 
Agenda de iniciativas
Bibliografia temática
Ciclos
Feiras
Festivais de Folclore
Glossário
Informações Técnicas
Loja
Permutas
Pessoas
Textos e Opiniões
Turismo
 
SUGESTÕES
Calendário agrícola
Confrarias
Datas comemorativas
Feriados Municipais
História do Calendário
Meses do ano
Províncias de Portugal
 
 

Pub  
   
»» Trajes - O Trajo Português Pub
Pub Trajos da Madeira  
  Vestes Tradicionais da Madeira

 

As vestes tradicionais são ainda hoje bastante usadas principalmente nas seguintes freguesias: Santo da Serra, Santa Ana, Canhas, Porto de Moniz e Caniçal. Além das vestes tradicionais, há outros diversos tipos de vestes populares actuais, que por serem menos curiosos não me dei ao incómodo de notar.

No norte da Madeira, as mulheres fiam de lã branca de ovelha e tecem e fazem calças para os homens. Estas têm o nome de serguilha.

As saias riscadas das mulheres chamam-se saias cardadas. São de lã e têm conjuntamente as seguintes cores: amarela, azul, encarnada e verde.

As mulheres cardam a lã, depois tingem-na e tecem-na. Tingem com uns pós amarelos (batatinha) e com açafrão. Muitos chamam a estes pós: poses encarnados e verdes.

Antigamente, os homens usavam cueca branca de pano de linho da terra, camisa e botões dourados, faixa branca na cintura e carapuça (carbuça ou crabuça). Este trajo é ainda usado na freguesia do Caniçal: devo, porém, dizer que só o vi no sacristão da igreja.

Diz-se que antigamente as mulheres usavam saia, camisa copada, manga curta, colete bordado, como os do Minho, e carapuça; às vezes capa traçada e uns lenços de ouro, hoje muito apreciados.

Extracto de um estudo de um aluno da Faculdade de Letras de Lisboa, 30 de Junho de 1916

Voltar para menu do "Trajo Português">>>
 

Informações retiradas de "ETNOGRAFIA PORTUGUESA" - Livro III - José Leite de Vasconcelos
  Gosta da página? Partilhe!

 

Pub

     

        

Se não encontrou nesta página o que procurava, pesquise em todo o Portal do Folclore Português
 



Acompanhe, em primeira mão as actualizações do Portal do Folclore Português:

FOLCLORE DE PORTUGAL - O Portal do Folclore e da Cultura Popular Portuguesa não se responsabiliza pelo conteúdo dos sítios registados
© Copyrigth 2000/2014  - Todos os direitos de cópia reservados - Webmaster